Terça-feira, 26.06.12

Novidades

Já saiu o relatório anual do UNODC. Primeira impressão: tudo estável ( tanto pior para 100 anos  de war on drugs), mais produção de  ópio no Afeganistão, mudanças e desvios  complexos nos  padrões de produção e consumo de diversas substâncias. Calhando, daremos  alguma atenção ao mercado das anfetaminas.

Depois, como sempre, números estranhos. Em 2009 foram apreendidas em Portugal 2,7 toneladas de cocaína ( base e cristais), enquanto que na Noruega apenas 61 quilos. Seja como for, se se tiver mantido  a regra do 1/3, quer dizer que passaram por Portugal 7,1 toneladas de cocaína.

publicado por FNV às 23:00 | link do post | comentar | ver comentários (2)

A história afegã, Parte II: a hipocrisia da war on drugs de Reagan e um fundador da Irmandade Muçulmana

A CIA, sob olhar envergonhado da DEA, criou o maior drug lord dos anos 80. Gulbudim Hekmatyar era o líder  de um pequeno grupo de guerrilheiros, o Hezb-i-Islam,  que operava  apartir de Pershawar, na fronteira afegã. Foi um dos fundadoresa da Irmandade Muçulmana no Paquistão e chefiou as manifestações  anti-Kabul no início dos anos 60. Gostava de atirar ácido às estudantes que se recusavam a usar o véu e foi acusado de ter asassinado uma jovem esquerdista em 1972. Foge então  para a zona de Pershawar. Mais tarde, em 1973, Daud destrona o rei e  e Hekmatyar, com  a ajuda de Butho ( o pai de Benazir)  lança diversos ataques à república comunista e ateia de Daud, a partir do vale do Panjir.

Como sabem, Daud começou a tergiversar, aproximou-se  do Irão e os soviéticos resolveram agir. Em 1981, Ronald Reagan e o general Zia ( o chefe das secretas paquistanesas)  acordam na necessidade de prestar ajuda à guerrilha afegã anti-soviética. Em 1985, Reagan ordena,  numa ordem de serviço confiencial, que os soviéticos devem ser forçados a sair do Afeganistão by all means available. Na prática, a CIA vendia à guerrilha afegã os Stinger e outras amenidades. O pagamento: os lucros da venda da pasta de ópio aos laboratórios  paquistaneses.

William Casey dirige, nos anos 80, uma das  maiores estações da CIA. Em 1982, a heroína afegã e paquistanesa já cobre as necessidades de 60% do americanos. Na fronteira noroeste, sob a pata do  general Fazle Haq, trabalham  entre 100 a 200 refinarias de heroína. O Afeganistão já produz, em 1983, cerca de 575 toneladas /ano. Greenleaf e Wilson explicaram à administração Reagan que "se  dessem  à guerrilha afegã um décimo da ajuda que os soviéticos deram aos norte-vietnamitas,  the Russians would really have either hands full". Em 1983, pôs-se o problema da Emenda Rodino, que interditava a ajuda a países que não tomassem medidas adequadas para controlar a produção e exportação de narcóticos. O presidente da House of Foreign Affairs Comittee, Steven Solarz, quis  saber como era possível ajudar quem enchia as ruas americanas de heroína barata. Não obteve resposta, porque o general Zia foi considerado um amigo dos EUA. No entretanto, humilhados, vários agentes da DEA pediram a transferência para fora do Paquistão.

Neste artigo da época, muito suave, podem ver em que consistia a war on drugs de Reagan.

 

 

Bibliografia:  McCoy e Barnett Rubin,que tem muitas memórias e arquivos disto.

publicado por FNV às 20:05 | link do post | comentar

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Junho 2012

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
14
15
17
20
22
23
25
27
28
30

posts recentes

últ. comentários

  • "ligeiramente desconfortável." -------------------...
  • Entretanto foi aprovada uma nova lei sobre drogas(...
  • E, por ex, o efeito da canabis depende da quantid...
  • Não. O efeito do álcool depende da quantidade cons...
  • Excelente artigo, gostei da abordagem. Visite o me...
  • Excelente artigo, gostei da abordagem. Visite o me...
  • (mesmo com atraso...sendo que o tema vem já de ha ...
  • É com muita pena que vejo que o blogue "morreu"......
  • Se não há corrupção digam como é possivél trocar t...
  • Então, morreu?!

Posts mais comentados

arquivos

2024
2023
2022
    2021
    2020
    2019
      2018
        2017
          2016
            2015
              2014
                2013
                  2012

                  links

                  subscrever feeds

                  blogs SAPO